Contact...

3.10.2006

Toca lá isso outra vez, Samuel!!! (I)

Por manifesta falta de veia literária da minha parte, por certo tudo o puderia vir a dizer sobre os The Dears nunca lhes iria fazer justiça.

Vou, em todo o caso, tentar...

Não sei o que andam a meter nos depósitos de água lá no Canadá, mas a quantidade de música (e da boa!) que o dito país tem vindo a regurgitar no últimos tempos é impressionante. Outra hipótese é a colheita de 2004 em específico. Pois é, segundo consta, no mesmo ano do belíssimo Funeral dos Arcade Fire foi editado este No Cities Left dos amigos The Dears. Tal como o nome indica, arrasa, com uma mistura explosiva de chamber pop, chanson, britpop anos 80 e até um bocadinho de noise, envolto numa registo vocal que deve tanto a Morrissey como a Neil Hannon e Damon Albarn.

Sim, é tão único e excepcionalmente genial quanto o estão a imaginar.

1 comment:

katraponga said...

Ainda não ouvi The Dears, mas adoro Arcade Fire. Obrigado pela visita, voltarei.